Não só de Paris vive o romantismo, conheça outras cidades românticas

Não só de Paris vive o romantismo, Amsterdam na Holanda, Verona e Veneza na Itália também são cidades muito românticas com diversos roteiros para casais apaixonados

Paris é obviamente uma cidade romântica, com diversos roteiros que parecem planejados especialmente para casais apaixonados viverem momentos inesquecíveis a dois. Mas diversas outras cidades europeias têm lugares alternativos menos concorridos – e às vezes até mais bonitos –, o que pode tornar sua viagem mais prazerosa e tranquila. Se você quer respirar romantismo e conhecer belezas como em Paris sem precisar enfrentar filas e multidão, este guia é especialmente para você.

Passeios de barco a dois

Canal Saint-Martin - Paris

Canal Saint-Martin – Paris

O canal Saint-Martin é um dos destinos dos casais em Paris. Cercado por árvores, praças, cafés e calçadões é um local agradável para namorar e passar a tarde a dois.

Outra cidade famosa por seus canais é Amsterdam, na Holanda. São mais de 100 km de canais, 90 ilhas e 1500 pontes que lhe renderam o apelido de “Veneza do Norte” e o título de Patrimônio Mundial da Unesco. Os passeios de barco pelos canais encantam os turistas e há pacotes especialmente para os apaixonados.

Passeio de barco no canal em Amsterdam, na Holanda

Passeio de barco no canal em Amsterdam, na Holanda

Declarações de amor eternizadas

Em Paris há o “Les mur des je t’aime” (O muro do eu te amo), repleto de declarações de amor escritas nos mais diversos idiomas.

“Les mur des je t’aime” (O muro do eu te amo)

“Les mur des je t’aime” (O muro do eu te amo)

Existe casal mais romântico que Romeu e Julieta? Em Verona, na Itália, é possível visitar a Casa di Giulietta, onde os casais apaixonados também deixam suas declarações de amor na parede. Esse local se tornou um santuário para os fãs da obra de Shakespeare. Há uma estátua de Julieta no jardim – a lenda diz que quem tocar seu seio direito terá boa sorte -, além da famosa varanda no andar superior, cenário perfeito para os apaixonados.

Casa di Giulietta - casais apaixonados também deixam suas declarações de amor na parede

Casa di Giulietta – casais apaixonados também deixam suas declarações de amor na parede

Outro símbolo de amor eterno, os cadeados da Pont des Arts, em Paris, são tão famosos que parecem estar ali desde sempre. Mas essa tradição começou, na verdade, em 1980, na cidade de Roma, na Itália. Depois disso o costume se espalhou por outras cidades italianas como Florença, Verona e Veneza, além de países como Hungria, Alemanha e Lituânia, além da famosa ponte parisiense sobre o Rio Sena.

Cadeados da Pont des Arts, em Paris

Cadeados da Pont des Arts, em Paris

Paris, cidade luz

Paris é conhecida como a “cidade luz” não apenas por sua iluminação, que impressiona principalmente à noite, quando monumentos se tornam um espetáculo imperdível, mas principalmente por sua rica cultura, estimulada desde os tempos do Iluminismo.

Pelos mesmos motivos Budapeste, na Hungria, é conhecida como a cidade luz do Leste Europeu, onde os monumentos e prédios iluminados à noite deslumbram os turistas. À direita do Rio Danúbio, em Peste, ficam os dois museus mais importantes, o Palácio das Artes e o Museu de Belas Artes. O principal centro cultural da cidade é a Casa de Ópera, que recebe os maiores espetáculos do país e é a casa de companhias de ópera e balé.

Parlamento de Budapeste a noite, onde se reúne a Assembleia Nacional da Hungria, às margens do rio Danúbio em Budapeste.

Parlamento de Budapeste a noite, onde se reúne a Assembleia Nacional da Hungria, às margens do rio Danúbio em Budapeste.

Planejando a viagem

Se você pretende fazer uma viagem romântica a algum desses países, lembre-se de planejar com antecedência. Pesquise sobre o país que quer visitar e descubra quais as regras para turistas. Diversos lugares exigem um comprovante de meios financeiros, com valores mínimos variados. Além disso, muitos países europeus fazem parte do Acordo de Schengen, sendo necessário um seguro para viagem internacional.

É importante calcular os gastos e combinar como as contas serão divididas, assim vocês evitam aborrecimentos que podem estragar o clima prazeroso. Decidir quais os meios de transporte que usarão também faz a diferença. Além dos já mencionados passeios de barco, ir de trem, por exemplo, pode proporcionar paisagens deslumbrantes. Escolher um hotel com vista da janela também deixará seus dias mais bonitos e agradáveis, principalmente nos momentos em que chegarem do passeio e quiserem descansar.

Dê sua opinião!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *