Bariloche, um lugar encantador

Bariloche é um dos principais destinos de férias de inverno dos Brasileiros, é claro que daqueles que gostam de frio, neve e esportes como o esqui. Se você deseja passar suas férias de inverno em Bariloche, acompanhe neste post nossas dicas valiosas.

Localização de Bariloche

San Carlos de Bariloche está localizada na Província de Rio Negro na Cordilheira dos Andes na Patagônia Argentina, em fronteira com o Chile; e o significado do seu nome em língua Mapuche  “povo detrás da  montanha”, já indica sua localização, bem na desembocadura do Rio Lio Limay.

Sendo uma cidade privilegiada por sua posição geográfica (altitude média de 700 m ), no entanto está rodeada de bosques e montanhas altas como  Cerro Tronador  na fronteira com o Chile com altitude de  3.354 m.

Lago Nahuel Huapi em Bariloche - Foto Daniel Cabrera

Lago Nahuel Huapi em Bariloche – Foto Daniel Cabrera

A cidade de Bariloche tem atualmente em torno de 130 mil habitantes, mas está continuamente repleta de turistas que chegam e saem com vontade de voltar, e lendo este post você vai querer ir, temos certeza disto; agora temos maior certeza ainda de que se for a Bariloche, terá muita vontade de voltar e explorar mais ainda este lugar encantador, que não é, como “muitos pensam”, um lugar para visitar somente no período de inverno quando fica branquinha pela imensa quantidade de neve que cai em seu território. Não, Bariloche tem muito mais que neve, leia e veja o que tem de bom para curtir em San Carlos de Bariloche.

Formação Etnica de Bariloche

Bariloche foi formada por vários grupos étnicos,dentre eles os índios Mapuche, que vieram da Patagonia do lado chileno depois dos conflitos com os espanhóis, mas a organização como cidade foi com a chegada do imigrante Alemão Karl Wierderhold, que construiu um armazém para negócios, e em 1902  a cidade foi batizada pelo nome atual de cidade “San Carlos de Bariloche”.

Centro Cívico e Porto San Carlos de Bariloche - Foto Emprotur

Centro Cívico e Porto San Carlos de Bariloche – Foto Emprotur

Como Chegar em Bariloche

De Buenos Aires até Bariloche são 1.600km pelas estradas da capital Argentina, ou se preferir ir de avião, levará somente 2 h partindo de Buenos Aires, em voos diários, principalmente no inverno no período de neve.

Uma ótima opção é aproveitar para conhecer o lado chileno da Patagônia, em uma viagem inesquecível pelos lagos andinos na Região dos lagos. Se você optar por ir a Bariloche partindo de Santiago no Chile, pode fazer a travessia no Cruce Andino e aproveitar toda a beleza da Região dos Lagos, porém também é possível fazer a travessia de ônibus, partindo de Puerto Montt no Chile, em uma viagem de mais ou menos 5 horas. Se for desde Buenos Aires por ônibus levará em torno de 22 horas. Esta opção é mais econômica, porém mais demorada.

Turismo marítimo em Puerto Montt / Chile

Turismo marítimo em Puerto Montt / Chile

Paisagens de tirar o fôlego

Rodeada pelos lagos Nahuel Huapi, Gutierrez e Mascardi; além das montanhas ” Cerro Lopez”, e  “Cerro Tronador”, Bariloche tem ainda o Cerro Catedral que abriga uma estação de esqui muito frequentada por turistas do mundo inteiro.

Lago Nahuel Huapi -Bariloche / AR  - Foto Sabrina Poinho

Lago Nahuel Huapi -Bariloche / AR – Foto Sabrina Poinho

A abundância da água dos lagos Nahuel huapi, Gutierez e Mascardi, favorecem a conservação das florestas, que são um dos atrativos de Bariloche.

Lago Nahuel Huapi - Bariloche / AR Foto Daniel Cabrera

Lago Nahuel Huapi – Bariloche / AR Foto Daniel Cabrera

 O que tem de bom em Bariloche?

Muitos se perguntam, será que vale a pena visitar Bariloche? O que tem de mais além da neve para esquiar?

Bariloche encanta quem a conhece, e deixa uma vontade imensa de voltar novamente, como é o caso dos nossos colaboradores Ruth e Daniel Cabrera de Buenos Aires, que estiveram no inverno de 2014  e consideram que a viagem vale muito a pena e o ideal seria no mínimo uma semana para aproveitar bem o passeio nos bosques nevados com lagos lindíssimos, e nos centros de diversão na neve, que além da prática do esqui ainda oferecem a subida ao cerro por teleférico;  um passeio muito prazeroso segundo Daniel e Ruth, pois na subida se aprecia uma vista perfeita pela cobertura da neve.

Cerro Catedral - Bariloche / AR  by Daniel Cabrera

Cerro Catedral – Bariloche / AR by Daniel Cabrera

Os Cerros de Bariloche são aprazíveis tanto no inverno, como em qualquer outra estação do ano. A cidade é fantástica  vista de cima do  Catedral, ou do Cerro Otto, onde se encontra a Confiteria Giratória, um local de gastronomia deliciosa típica da região, e que durante 20 minutos faz uma volta de 360 graus quase imperceptível, mas se ficar atento poderá usufruir de toda a vista da cidade e da paisagem em volta e abaixo do cerro.

Confiteria Giratória / Bariloche /AR Foto Sabrina Poinho

Confiteria Giratória / Bariloche /AR Foto Sabrina Poinho

Opções de passeios nos Cerros de Bariloche

No centro de Ski Nórdico localizado no Cerro Otto tem diversas opções de diversão, como o passeio a dois em quadriciclos especiais para a neve e o passeio de trenó puxado por uma moto de neve, que é excelente  para quem está com crianças pequenas, e além destes há ainda outros que é possível conferir com mais detalhes no blog barilocheparabrasileiros da nossa colaboradora Sabrina Poinho.

É importante saber que no verão é possível chegar ao topo dos cerros, tanto em carro próprio, como de bicicleta, ou triciclo alugado em empresas do ramo. Do centro até a base do Catedral são 18 km, e você pode utilizar os ônibus ou van que realizam este tipo de transporte.

Cerro Catedral -Bariloche / AR Foto Sabrina Poinho

Cerro Catedral -Bariloche / AR Foto Sabrina Poinho

Cerro Catedral - Bariloche / AR Foto Daniel Cabrera

Cerro Catedral – Bariloche / AR Foto Daniel Cabrera

Além dos cerros com seus diversos atrativos, Bariloche tem história pra contar; e isto é possível visitando o Centro Cívico, na praça principal da cidade, onde estão as obras arquitetônicas construídas com pedras e madeira no ano 1940, período no qual a cidade começou a investir em turismo. No local se encontra a Sede Municipal, a Secretaria de Turismo, uma delegacia, e o Museu da Patagônia, que mantém uma sala de exposição de artes.

Bariloche / Argentina by Daniel Cabrera

Bariloche / Argentina by Daniel Cabrera

Noite em Bariloche

Pra quem gosta de movimento, em Bariloche pode apreciar muito boas discotecas localizadas na área central na Avenida da costa do lago. Todas em ambientes amplos, com tecnologia moderníssima e repertório em diversos estilos musicais.

Também tem a opção do cassino que conta com Show de tango ao vivo todos os domingos; ou, se nada disto lhe agrada, ainda pode degustar comida saborosa nos restaurantes com culinária típica regional, ou apreciar a saborosa cerveja artesanal nos bares do centro cívico, ou nas inúmeras opções de cervejarias espalhadas pela cidade. No centro, por exemplo, existe um setor chamado de “Barrio Cervecero”.

Cerveceria Blest / Bariloche / AR Foto Sabrina Poinho

Cerveceria Blest / Bariloche / AR Foto Sabrina Poinho

É importante lembrar é que a cidade tem excelentes locais para compras, onde  dá para levar uma lembrancinha do local, mas prepare o bolso, porque  em Bariloche tudo é supervalorizado, e um turista brasileiro gasta em média, em torno de R$ 350 a 500 reais por dia para aproveitar tudo que a cidade tem de bom, isto sem contar o hotel e a passagem.

Sabrina Poinho nos deixa dicas importantes, sobre moeda, cambio e valores dos passeios no blog “Barilocheparabrasileiros“; mas é claro que deve ser levado em consideração as aptidões de cada pessoa; alguns são mais compulsivos, outros sabem distinguir o que é supervalorizado; e manter precaução, mas quem sai em viagem a locais turísticos deve sair preparado para meter a mão no bolso em eventualidades.

Arquitetura de San Carlos de Bariloche

Um dos pontos que destacam Bariloche da maioria das cidades argentinas, é a presença dos prédios em arquitetura alemã,  devido à etnia de sua colonização.

Base do Cerro Catedral - Bariloche / AR  Foto Sabrina Poinho

Base do Cerro Catedral – Bariloche / AR Foto Sabrina Poinho

 

Hotel Llao  Llao  - Cerro Catedral - Bariloche - by Ruth Cabrera

Hotel Llao Llao – Cerro Catedral – Bariloche – by Ruth Cabrera

Tempo em Bariloche

Bariloche tem clima temperado, com a temperaturas oscilando entre os 20 e 24 º no verão, mas que no inverno caem abaixo de zero entre os meses de junho e agosto, proporcionando grande quantidade de neve, que é ideal para a temporada de esqui nas montanhas mais altas devido à proximidade dos Andes, porém é possível pegar uma prainha nos lagos durante o verão pois em alguns dias a temperatura pode chegar até 30º.

Praia Bonita - Bariloche / AR - Foto Sabrina Poinho

Praia Bonita – Bariloche / AR – Foto Sabrina Poinho

Melhor época para visitar Bariloche

Bariloche pode ser visitada em qualquer época do ano, depende do que se tem em vista ao chegar à cidade. Se seu objetivo é esquiar, então deve ir no inverno entre junho e agosto já que neste período a neve cai mais intensamente, porém o lugar é aprazível durante qualquer estação.

lago Gutierrez - Bariloche / AR foto Sabrina Poinho

lago Gutierez – Bariloche / AR foto Sabrina Poinho

Suas paisagens lindíssimas encantam ao visitante que durante todo o ano vai encontrar um período especial para visitar a cidade.

No inverno são os centros de Ski   com todos os seus atrativos; já em novembro tem a prova de “1000 milhas”; uma corrida de carros antigos que  é considerada uma das provas de regularidade mais exigentes do mundo e faz parte do calendário anual da FIVA. Em novembro também tem a “Fiesta de las Colectividades” , um festival de dança que mostra a cultura regional e durante a semana Santa, tem a Festa do Chocolate, um evento importante, e muito apreciado por turistas. Durante a semana Santa  se realizam jogos, reunião de escultores em madeira, entre outros eventos, a Festa do Chocolate é um  dos mais frequentados.

Na Semana Santa é confeccionado um ovo gigante de chocolate de mais ou menos 8 metros de atura bem no Centro Cívico, e durante o domingo de Páscoa o ovo é quebrado e distribuído para o público presente.

Festa do chocolate em Bariloche / AR Foto Sabrina Poinho

Festa do chocolate em Bariloche / AR Foto Sabrina Poinho

Estas são algumas das delícias da Casa do Chocolate em Bariloche

Casa do Chocolate - Bariloche / AR Foto Daniel Cabrera

Casa do Chocolate – Bariloche / AR Foto Daniel Cabrera

Quer mais razões para visitar Bariloche, basta conferir em nossa galeria de imagens:

E você já visitou Bariloche? Como foi sua experiência? Deixe seu comentário, sua experiência é de grande valor para nós!

Dê sua opinião!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vamos Viajar Juntos!

Junte-se a mais de 8,000 leitores inteligentes e receba nossas dicas imperdíveis para viajar pelo mundo. (é grátis)!